Frota de E-Jets chega a 100ª Aeronave na América Latina e Caribe - EMBRAER e Azul Linhas Aéreas Brasileiras

PR-AYS, O 100º E-JET DA AMÉRICA LATINA E CARIBE, NAS CORES DA AZUL LINHAS AÉREAS BRASILEIRAS

PR-AYS, O 100º E-JET DA AMÉRICA LATINA E CARIBE, NAS CORES DA AZUL LINHAS AÉREAS BRASILEIRAS


Uma família de jatos de qualidades inegáveis. Os E-Jets 170-190, mundialmente reconhecidos pela melhor relação custo benefício do mercado, apresentam um conceito inteligente: aviões de porte médio com desempenho de jato grande. A facilidade de manutenção, alta tecnologia de construção, grande economia de combustível e a alta disponibilidade para voo apenas confirmam a opinião que realmente importa - a do passageiro - Os E-Jets são aviões  extremamente confortáveis. Isso fica muito claro ao ser voar neles.

UMA AERONAVE GLOBAL - E-JETS DE TRÊS CONTINENTES LOT (POLÔNIA), NASAIR (ARÁBIA SAUDITA) E AUSTRAL (ARGENTINA)


Confirmando o sucesso nos cinco continentes, a empresa chega a 100 aeronaves entregues na América Latina e Caribe. Em vendas acumuladas, isso representa 79% do mercado de jatos entre 61 a 120 assentos, e a liderança na região. Começando pela Copa Airlines no Panamá, em 2005, a EMBRAER rapidamente conquistou mais nove clientes (Aeroméxico, Air Caraibes, Austral, Azul, Copa Airlines Colômbia, Satena, Taca, TAME e TRIP. Ao final de 2011, serão 134 destes jatos operando na região. Em 2010, este mercado cresceu 11,3% em comparação com 2009, e os E-Jets já atendem a mais de 150 cidades latino americanas de 25 países. Um marco da qualidade do produto brasileiro.

PR-AYS, O 100º E-JET DA AMÉRICA LATINA E CARIBE, NAS CORES DA AZUL LINHAS AÉREAS BRASILEIRAS


O 100º E-jet é Azul

Em pouco mais de dois anos, a Azul Linhas Aéreas Brasileiras vem reconstruindo a relação entre companhia aérea e passageiro no Brasil. Pontualidade, excelência nos serviços, voos diretos sem escalas, rotas inovadoras e horários inteligentes, além de um time de tripulantes bem treinados e motivados vem fazendo a diferença.  Que o diga um emocionado Pedro Janot, Presidente da empresa, ao declarar "É uma honra para a Azul  receber esta aeronave comemorativa da EMBRAER, uma empresa que acreditávamos  antes mesmo do nascimento de nossa companhia. Foi graças ao empenho e sinergia entre as equipes das duas companhias que conquistamos mais este grande marco".
PEDRO JANOT, PRESIDENTE DA AZUL LINHAS AÉREAS

O vice-presidente executivo da Embraer para o Mercado de Aviação Comercial, Paulo César de Souza e Silva, Pedro Janot, Presidente da Azul Linhas Aéreas Brasileiras, e o Prefeito de São José dos Campos, Eduardo Cury
O vice-presidente executivo da Embraer para o Mercado de Aviação Comercial, Paulo César de Souza e Silva, Pedro Janot, Presidente da Azul Linhas Aéreas Brasileiras, e o Prefeito de São José dos Campos, Eduardo Cury
O vice-presidente executivo da Embraer para o Mercado de Aviação Comercial, Paulo César de Souza e Silva, Pedro Janot, Presidente da Azul Linhas Aéreas Brasileiras, e o Prefeito de São José dos Campos, Eduardo Cury. Janot exibe uma camisa verde amarela com o número 100, alusivo a comemoração.

O vice-presidente executivo da Embraer para o Mercado de Aviação Comercial, Paulo César de Souza e Silva, Pedro Janot, Presidente da Azul Linhas Aéreas Brasileiras, e o Prefeito de São José dos Campos, Eduardo Cury
EXECUTIVOS DA AZUL COMEMORAM A CHEGADA DO 100º E-JET DA AMÉRICA LATINA E CARIBE,
Para o Vice-Presidente Executivo para o Mercado Comercial da EMBRAER, Paulo César e Silva "Além da satisfação em compartilhar com a Azul, uma empresa brasileira, a entrega do 100º E-Jet na região, fico muito satisfeito ao ver o crescimento do nosso produto, demonstrando que esta família de aviões é extremamente adequada para atender aos níveis de demanda local e tem flexibilidade necessária para acomodar  as oscilações típicas dos mercados emergentes com tecnologia de última geração, baixo custo operacional e alto nível de conforto para o passageiro".


PR-AYS, O 100º E-JET DA AMÉRICA LATINA E CARIBE,  NAS CORES DA AZUL LINHAS AÉREAS BRASILEIRAS
Com uma carteira de quase dois mil pedidos firmes de 58 empresas em 39 países, já são mais de 700 E-Jets operando nos cinco continentes. A família de jatos já acumula 5 milhões de horas de de voo, tendo atingido a expressiva marca de 200 milhões de passageiros. Os 28 jatos da frota da Azul (dez 190 e dezoito 195) atendem no Brasil a 33 destinos com 230 voos diários, tornando real uma equação tão simples de entender quanto difícil de imitar: preços baixos com alta qualidade de serviços.


O vice-presidente executivo da Embraer para o Mercado de Aviação Comercial, Paulo César de Souza e Silva

Comentários