FAB - ÁGATA 3 - Aeronaves da Força Aérea operam a partir de bases desdobradas

FAB - ÁGATA 3 - Aeronaves da Força Aérea operam a partir de bases desdobradas

24/11/2011 - 19h58

ÁGATA 3 - Aeronaves da Força Aérea operam a partir de bases desdobradas

Aviões estão em Vilhena (RO), Cuiabá (MT), Campo Grande (MS) e Rio Branco (AC)

O Comandante da Força Aérea Componente 107, Brigadeiro do Ar Luiz Fernando de Aguiar, percorreu nos últimos dois dias as bases áreas instaladas especialmente para a Operação Ágata 3. As aeronaves da FAB operam a partir de Vilhena (RO), Cuiabá (MT), Campo Grande (MS) e Rio Branco (AC). Caças supersônicos, aviões de ataque e reconhecimento, helicópteros Blackhawk, aviões radares e de transporte participam da missão conjunta da Marinha, Exército e Aeronáutica ao longo da fronteira com Peru, Bolívia e parte do Paraguai.

"Em cada base desdobrada, comprovamos a prontidão de nossos militares e máquinas", disse o Comandante da FAC 107 ao voltar para Porto Velho (RO), onde fica o comando das operações aéreas. Veja o vídeo abaixo.

A atuação das Forças Armadas e de órgãos federais e estaduais vai de Bahia Negra, no Mato Grosso do Sul, até Tabatinga, no Amazonas. O principal objetivo da Operação Ágata 3 deflagrada na terça-feira, 22, é combater o tráfico de drogas, armas, além de crimes ambientais e fiscais, como o contrabando, crimes comuns nas fronteiras. As operações envolvem a Receita Federal, IBAMA, os Departamentos de Polícia Federal, ANAC, Secretaria Nacional de Segurança Pública e Força Nacional de Segurança Pública.

Acompanhe o detalahes da Operação no hotsite www.agata3.defesa.mil.br



Fonte: Agência Força Aérea

Tags: OPERAÇÃO ÁGATA 3, FAB, FAC 107, DEFESA, FRONTEIRA


Comentários