TAM e Air China ampliam acordo de compartilhamento de voos


 

 

 
 

Passageiros poderão chegar a Pequim fazendo conexão em Paris
 
 

São Paulo, 07 de maio de 2012 – Os passageiros da TAM que desejam viajar para a China têm, desde 1° de maio, uma nova opção de rota, ainda mais ágil e confortável. Com a ampliação do acordo de compartilhamento de voos (codeshare) da TAM com a Air China, os clientes já podem chegar a Pequim, passando por Paris, em conexão no Aeroporto Charles de Gaulle, de onde seguirão viagem em voos da companhia de bandeira nacional chinesa.

Os clientes da TAM têm à sua disposição uma frequência diária partindo de São Paulo/Guarulhos e mais cinco serviços semanais com origem no aeroporto do Rio de Janeiro/Galeão. Dessa forma, a ligação entre o Brasil e os demais países da América do Sul com a China, e de lá para outras regiões da Ásia, será reforçada. 

A partir de Paris, os clientes têm à disposição o voo JJ 8384, que parte às 20h20. No sentido inverso, o JJ 8383 decola às 13h35 de Pequim. As passagens estão disponíveis para venda em todos os canais comerciais da TAM.

A nova configuração do acordo com a Air China está alinhada aos objetivos de expansão da TAM no continente asiático, onde a companhia possui um escritório comercial em Hong Kong (China), representações comerciais na Coreia do Sul, na Índia, na Tailândia e em Taiwan, além de gerências na China (Pequim e Xangai) e no Japão (Tóquio). 

Antes da ampliação do codeshare com a Air China, disponível desde agosto de 2009, os clientes da TAM faziam a conexão com destino à Pequim no aeroporto de Barajas, em  Madri (Espanha). Vale ressaltar, ainda, que a TAM também têm voos compartilhados com a ANA (All Nipon Airways), para oferecer aos clientes a possibilidade de chegar ao continente asiático por meio do aeroporto de Tóquio.

Comentários